Steve; o Jobs (1955 – 2011)

“Lembrar que eu estarei morto em breve é a ferramenta mais importante que eu encontrei para me ajudar a fazer grandes escolhas na vida. Porque quase tudo – todas as expectativas externas, todo o orgulho, todo o medo de se envergonhar ou de errar – cai diante da face da morte, restando apenas o que realmente é importante. Lembrar que você vai morrer é a melhor maneira para eu saber evitar em pensar que tenho algo a perder. Você já está nu. Não há razão para não seguir o seu coração.”

Dentre tantas merecidas homenagens conferidas ao gênio após sua morte, em decorrência de um câncer no pâncreas, além das da própria Apple, é claro, a que mais impressiona é a da Wired.

Certamente a publicação que mais dedicou espaço para falar da Apple e do próprio Jobs, transformou completamente a sua home em um tributo, com as declarações de personalidades publicadas até o momento.

Nas próximas horas, mais homenagens devem surgir, tanto de outras empresas, publicações, e com certeza de fãs, como o Steve Jobs Day, que já estava planejado antes de sua morte para o dia 14 de outubro.

O Google também colocou uma homenagem ao Steve Jobs na sua home, incluindo um link pro site da Apple.

Dizem que ninguém é insubstituível. Será mesmo? Talvez a falta do Steve Jobs prove o contrário.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s